Mães de bebês com microcefalia são orientadas sobre o uso de órteses e cadeiras de rodas

29 de setembro de 2017 por Associação Reabilitar

O cuidado de bebês e crianças com microcefalia é algo novo para muitas mães. Além do tratamento com uma Clínica de Microcefalia, o Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) também está orientando familiares e cuidadores.

“É algo novo para nós também. Por isso estamos participando de cursos, capacitações, pesquisando e compartilhando com os pais, que estão diretamente ligados ao tratamento desses bebês e devem dar continuidade em casa”, explica a fisioterapeuta Ana Patrícia Petillo.

No final da tarde dessa quinta-feira (28), o Centro encerrou o segundo ciclo da Roda de Conversa, projeto que está levando orientações aos familiares dos 82 bebês atendidos atualmente na Clínica de Microcefalia do Ceir.

“O uso de órteses e meios auxiliares de locomoção, a exemplo da cadeira de rodas, é uma necessidade que já está surgindo em alguns bebês. É preciso que os pais sejam nossos parceiros no tratamento e sigam as orientações para alcançar os avanços esperados”, frisa a terapeuta ocupacional Leylane Rilzer.

A Luiza Vitória, de 1 ano e 10 meses, é uma das bebês que já está usando órteses confeccionadas na Oficina Ortopédica do Ceir. “Ela usa nas duas mãos e nas pernas”, comenta a mãe Maria Luiza Pereira, que mora em Cabeceiras, no Norte do Piauí, e toda semana se desloca à Teresina para o tratamento da filha.

A Clínica de Microcefalia do Centro de Reabilitação funciona com uma equipe multiprofissional formada por médicos, psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e assistentes sociais. Os atendimentos são realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).


Texto: Cláudia Alves – Comunicação Reabilitar

Tags: , ,

© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados para a Associação Reabilitar