Associação Reabilitar reúne Conselho para apresentar relatório trimestral

15 de agosto de 2018 por Associação Reabilitar

IMG_0189Esteve reunido, nessa terça-feira (14), o Conselho de Administração da Associação Reabilitar, instituição mantenedora do Centro Integrado de Reabilitação (CEIR) em Teresina. O encontro, realizado na sede da Associação, zona Leste da capital, serviu para mostrar os resultados e balanço de atividades do segundo trimestre (abril, maio e junho) de 2018.

Nesse período, o Centro fez 17.501 atendimentos na área de reabilitação física; outros 15.231 de reabilitação intelectual; e 2.751 atendimentos clínicos de reabilitação auditiva. No total, foram 103 mil atendimentos, segundo o médico Francisco José Alencar, que é superintendente executivo da Associação Reabilitar.

Na reunião, além dos conselheiros, estiveram presentes os gerentes do Ceir, que mostraram, por meio de vídeos, os resultados alcançados em cada área de atendimento. Na oportunidade, foi apresentado um resumo de uma pesquisa sobre a Satisfação Global dos Colaboradores, incluindo o nível de envolvimento com a instituição, a comunicação interna e os níveis de motivação, com resultados muito satisfatórios.

Francisco Alencar mostrou dados contábeis sobre os projetos Passo à Frente – Oficina Ortopédica Itinerante; Transporte Eletivo de Pacientes; Projeto Pense Bem AVC e Pense Bem Trauma, além dos contratos firmados pelo Ceir com empresas e instituições, acima de R$ 50 mil, responsáveis por fornecer produtos e serviços para o Centro.

“A reunião serve para mostrar os dados do Conselho, estabelece um fórum de discussão entre os membros sobre o que é apresentado e, a partir daí, decide as medidas que serão tomadas, a curto, médio e longo prazo, para dar sustentabilidade à Associação”, explica Francisco Alencar.

O presidente do Conselho, médico Francisco José Lima, destacou o trabalho da Associação e elogiou a participação dos gerentes na reunião.

O superintendente multiprofissional do Ceir, Aderson Luz, lembra que a reunião é uma prestação de contas dos recursos públicos recebidos, mostrando que é salutar para o Estado essa parceria com a Associação Reabilitar.

“Hoje, 57% da despesa da associação para manutenção do Ceir é oriunda de receitas próprias, apenas 43% é repassado pelo Estado. Isso mostra que a instituição é eficiente, tanto que já investiu quase R$ 3 milhões na melhoria da estrutura, ampliação e compra de equipamentos”, destaca.

A vice-presidente do Conselho Estadual das Pessoas com Deficiência e integrante do Conselho de Administração da Associação Reabilitar, Amparo Sousa, ressalta os resultados da reunião administrativa. “Hoje, muitas das sugestões feitas por nós estão sendo colocadas em prática”, frisa.

© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados para a Associação Reabilitar