O que somos

O que somos

A Associação Piauiense de Habilitação, Reabilitação, Readaptação – Associação Reabilitar – é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 13 de março de 2006, em Teresina (PI). A entidade nasceu com os objetivos de apoiar, desenvolver e gerenciar projetos e ações na área de saúde, bem como para promover a inclusão social de pessoas com deficiência.

 

No trabalho para melhorar o acesso da população piauiense ao direito básico de ter uma saúde pública de qualidade, a Associação Reabilitar prioriza um atendimento humanizado e de excelência, norteado pelo lema “Cuidando e transformando vidas”.

 

A instituição é qualificada nas esferas estadual e municipal como Organização Social (OSS) e de Utilidade Pública por sua experiência na administração de serviços de saúde, atuando por meio de contratos de gestão e convênios em parceria com o Poder Público.

 

A excelência do trabalho realizado e a capacidade técnica de gestão da Associação Reabilitar também são reconhecidas pelo Ministério da Saúde, por meio do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social na Área de Saúde – CEBAS.

 

Conheça nossos projetos:

 

Ao longo de mais de uma década, a Associação Reabilitar acumula experiências e projetos que são reconhecidos como modelos de gestão.

 

A prevenção foi a primeira área de atuação da Associação Reabilitar, por meio dos projetos Pense Bem AVC e Pense Bem Trauma. Ambos realizam palestras gratuitas à população, alertando sobre medidas simples para evitar a ocorrência e as sequelas do Acidente Vascular Cerebral e dos traumas na cabeça e na coluna.

 

Desde 2008, a instituição administra o maior centro de reabilitação de pessoas com deficiência do Piauí, que já soma 1,8 milhão de atendimentos realizados. Trata-se do Centro Integrado de Reabilitação (Ceir), que está localizado em Teresina e é fruto de uma parceria com o Governo do Piauí e o Governo Federal. No Ceir, também funcionam a Oficina Ortopédica e o Centro de Diagnóstico.

 

Ainda voltada à assistência da pessoa com deficiência, a organização social também é responsável pela gestão da Oficina Ortopédica Itinerante do Piauí, uma ação do Ministério da Saúde em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi). O projeto leva aos municípios piauienses uma unidade móvel com profissionais capacitados para fazer a confecção e distribuição de produtos ortopédicos e meios auxiliares de locomoção, de forma gratuita para a população.

 

E são dos municípios piauienses que saem, diariamente, pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) para realizarem consultas e exames em Teresina, usando o Sistema Estadual de Transporte Eletivo (STE), outro serviço gratuito, também administrado pela Associação Reabilitar. Esse projeto atende, atualmente, a população de 25 cidades conveniadas com a Associação Piauiense de Municípios (APPM).

 

Desde dezembro de 2020, a Associação Reabilitar também administra o Centro de Reabilitação Pós-Covid, na cidade de Parnaíba, região Norte do Piauí. Pacientes que apresentam sequelas neurológicas e respiratórias causadas pela Covid contam com atendimento de uma equipe multidisciplinar, a fim de que possam retomar, da melhor forma possível, suas rotinas em casa e no trabalho.

 

Por meio desses projetos, a Associação Reabilitar busca se aperfeiçoar diariamente para realizar um trabalho cada vez melhor e acredita na força de mentes e mãos unidas pelo desejo de expandir o capital social do Piauí.


Composição I  Organograma  I Estatuto 


© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados para a Associação Reabilitar - Conheça a nossa Política de Privacidade