Ceir lembra dia mundial de conscientização sobre o autismo

03 de abril de 2018 por Associação Reabilitar

O Dia Mundial de Conscientização Sobre o Autismo é lembrado nesta segunda-feira (2). A data tem como intuito divulgar formas de inclusão e atenção qualificada aos pacientes diagnosticados com Transtorno do Espectro Autista (TEA), conhecido popularmente como autismo.

Há três anos, o serviço de Reabilitação e Habilitação Intelectual do Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) disponibiliza atendimentos nas clínicas de Deficiência Intelectual, Síndrome de Down, Transtorno do Espectro Autista (TEA) e de Microcefalia.

A doença é um Transtorno Global do Desenvolvimento, que pode ocorrer em vários níveis. Os mais leves podem nem ser identificados, ou seja, uma pessoa pode apresentar sintomas de autismo sem que se perceba. Leylane Rilzer, terapeuta ocupacional do Ceir, explica que o autismo pode afetar três áreas do desenvolvimento: dificuldade na interação social e na comunicação e padrões restritos de comportamentos que muitas vezes estão associados a alterações sensoriais.

“Muita gente acha que crianças autistas são agressivas ou que elas necessitam de consolo por apresentarem uma forma diferente de sentir, perceber e se relacionar com as demais pessoas. A falta de informação é uma das barreiras para identificação e compreensão do que é o autismo. Por isso, devemos conhecer para entender e sobretudo para respeitar”, alerta a psicóloga Natália Vidal.

Marcos Vinicius é autista e frequenta atividades no Centro de Reabilitação há dois anos. José Cardoso, pai de Marcos Vinicius, lembra que o simples gesto de cortar o cabelo trazia incômodos para o filho. “Algumas sensações e barulhos irritavam o Marcos Vinicius. Antes ele se incomodava com o barulho de pessoas cantando parabéns, por exemplo, mas depois que ele passou a frequentar a escola e o Ceir, ele já superou essa barreira. Quando ele ia cortar o cabelo, demorava muito também, agora é tranquilo. Ele teve muitos ganhos, inclusive de linguagem”, diz.

De 2015 ao início de março de 2018, foram realizados 99.473 atendimentos na Reabilitação Intelectual do Ceir, sendo 70.637 atendimentos das clínicas de Deficiência Intelectual, Síndrome de Down, Transtornos do Espectro Autista (TEA); e 28.836 da Clínica de Microcefalia, implantada em 2016.


Texto: Andressa Kerllen – Comunicação Reabilitar 


 

Tags: ,

© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados para a Associação Reabilitar