Microcefalia: mães discutem formação de uma associação

28 de junho de 2017 por Associação Reabilitar

A formação de uma associação de pais e mães de bebês com microcefalia foi tema de debate promovido pelo Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) nesta quarta-feira (28).

O local atende, atualmente, 85 bebês com microcefalia, diagnóstico que tem mudado a vida de famílias. “A criação de uma associação possibilita aos pais e mães discutir as necessidades em comum e defender os interesses dessas famílias com mais força e representatividade”, orienta o contador Jorge Ivan Teles.

Jorge Ivan ainda explica como criar uma associação. “O primeiro passo é fazer uma assembleia, declarar a criação em ata, discutir o estatuto e eleger a diretoria, que não pode ser remunerada. Tudo isso deve ser registrado em cartório”, diz.

As orientações foram essenciais para a dona de casa Francisca Costa, de 22 anos. “Eu tinha dúvidas de que benefícios uma associação pode trazer para nossos bebês e para nós enquanto família”, conta a mãe da Eloa Beatriz Alves, de 1 ano.

O momento fez parte da Roda de Conversa, ação promovida pelo Serviço Social do Ceir na Clínica de Microcefalia do Centro. “Estamos plantando pequenas sementes, levando conhecimento e debates a essas famílias. É importante que elas saibam da sua importância na coletividade”, finaliza a assistente social Izabel Hérika.


Texto: Cláudia Alves – Comunicação Reabilitar

Tags:

© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados para a Associação Reabilitar